quarta-feira, 19 de abril de 2017

Clubes do Rio Grande do Sul

Estádio João Martins, do Esporte Clube14 de Julho, de Livramento-RS. (Foto: Divulgação)

Time de Juniores da S.E.R. São Gabriel, sem o ano. (Foto: Arquivo de Maximino Xarão)


Esporte Clube14 de Julho, de Livramento-RS. Sem o ano (Foto: Acervo fotográfico do clube)

Esporte Clube14 de Julho, de Livramento-RS, erm 1936. (Foto: Acervo fotográfico do clube)

15 de Novembro, de campo Bom-RS, em 2013. (Foto: acervo fotográfico do clube)

Anos 30. 15 de Novembro, de campo Bom-RS, em 2013. (Foto: acervo fotográfico do clube)

Bancários de Rosário do Sul. (Fonte: Blog "Escrevendo Futebol")

Grêmio Esportivo Brasil, de Pelotas, sem o ano. Em pé George Geóvio - Tibirica - Canário - Valdoma - Osvaldo e Spilman. Agachados Edi - Toquinho - Birinha - Maurinho e Luizinho. (Foto: Acervo fotográfico do clube)


Grêmio Esportivo Brasil, de Pelotas, sem o ano, com Felipão de técnico. (Foto: Acervo fotográfico do clube)

Estrela Futebol Clube, de Capão do Leão. (Foto: Acervo fotográfico do clube)

Grêmio Esportivo Gabrielense, de São Gabriel-RS, anos 1940. (Foto: Arquivo de Nilo Dias)

Grêmio Esportivo Gabrielense, de São Gabriel-RS, ano 1999. (Foto: Arquivo de Nilo Dias)


São Paulo, de Rio Grande, sem identificação. (Foto: Arquivo de Ernesto Guedes)

São Paulo, de Rio Grande, time de 1979, que derrotou o Internacional, de Porto Alegre por 2 X 1, em pleno Beira Rio. (Foto: Arquivo de Renato Lempek)

Sport Club Rio Grande, de Rio Grande-RS, em 1936. (Foto: Arquivo de Alexandre Degani)

Guarany, de Garibaldi, sem o ano. (Foto: Arquivo de Castro Ronaldo)

Guarany, de Garibaldi, em 1990, campeão regional, com Tite (de moletom) como treinador.(Foto: Arquivo de Castro Ronaldo)

Guarany, de Garibaldi, sem identificção. (Foto: Arquivo de Castro Ronaldo)

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Futebol de Fartura (SP)


Histórico

Localizado entre os rios Paranapanema e Itararé, o atual município de Fartura teve parte de seu primitivo território tomado pelo reservatório de Chavantes.

Foi aí que, em 1870, entre a Serra da Fartura e o ribeirão do mesmo nome, Manoel Remígio Viana doou uma gleba de terras para formação do patrimônio da Capela de Nossa Senhora das Dores de Fartura, em território de São Sebastião do Tijuco Preto (atual Piraju).

Segundo contam, o topônimo Fartura decorre da abundância de peixes nos rios da região.

A fertilidade dos solos e o afluxo de imigrantes, principalmente de origem italiana, a partir de 1880, deram grande impulso à povoação, que foi elevada à freguesia em fevereiro de 1884, incorporando-se à Vila de São João Batista do Rio Verde (hoje Itaporanga).

Em março de 1891, a freguesia foi transferida novamente para São Sebastião do Tijuco Preto e elevado à Vila (Município).

Cidade por Lei Estadual Nº 1038, de 19 de dezembro de 1906. (Fonte: IBGE)

1986. Garça F.C., Campeão Intermunicipal Em pé: Otacílio- Kim Dognani (técnico) - Frederico - Laércio Cerri - Toco - Carlão Passos - Arnaldo - Cezinha - Finura - Júlio César e Baraio. Agachados: Flavião (massagista) - Paulo Sapecado - Marquinhos - Roberto - Valfredo - Cebolinha - Claudinho e Zé da Costa. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

Trombi EC, campeão de 1978. José Haroldo, Arnaldo, Vanusa, Claúcio, Robertinho e Benê. Agachados: José da Costa, Cebolinha, Tenente, Donzinho e Wagner. Nesta equipe jogavam: Marlei, Padre Gorgônio, Toco e Paulo Surubi. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

1974. Lajeadinho. Em pé: Bisteca - Bacural - Edelcio - Tavio da Ica - Zé Panema e Carlo Rizzo. Agachados:- Arlindo - Barrado - Toninho Nicolau - Rizzo e Benê. (Foto enviada por Luana Ruy e publicada no blog "Baú da Fartura")

Jacutinga 1974. Em pé: Zé Rui - Gentil - Pedrão - Arlindo - João Rui - Japão - Osmar e Enzo. Agachados: Zezinho B - Liminha - Toninho Bodoque e Valdeci – Angelo. (Foto enviada por Luana Ruy e publicada no blog "Baú da Fartura")

Os comediantes Stan Laurel e Olivier Hardy ainda faziam sucesso como “O Gordo e o Magro” em 9 de junho de 1972, quando os esportistas farturenses se reuniram para um jogo de confraternização no “Estádio Belgrave Teixeira de Carvalho”.

Alguns participantes do jogo: Poca, Dito Rolim, Alfredo Gigliucci, Netão Almeida, Décio Rocha, Raul Peres, Lúcio Dealis, José Padeiro, Gesualdo de Souza, José Augusto, Jaime Custódio, Orestes Garbelotti, Zezo Lança, Acácio Gabriel, Renê Ribeiro, Nenê Nóbile, Lelo Soldado, Padre Luís Mico, Gilberto Bruno, Miguel Maluly, Odenil Diana, Vitório Zamberlan, Mingo Blanco, Tomaz “Ferreirão” Rubinatti, Pedro França, Bertinho Custódio e Zezito Villa. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

1970. Time do Esporte ClubeGuaiuvira, do bairro de igaul niome, o mais populoso de Fartura. (Foto: Jornal "A Comarca", publicada no blog da revista "Museu Fartura)

1965. Trombi Futebol Clube. Congregava alunos da Escola Normal Monsenhor José Trombi na década de 60. Esta é uma das formações do time de futebol. Em pé: Hamilton Del Cístia - Adauto Rocha Teixeira - Luiz Fernando Lucarelli - José Lázaro Gabriel - Osvaldo Rosolem - Antonio Carlos Garcia Ribeiro e Pedro Luiz Corona. Agachados: Milton Saito - José Augusto do Couto - Eduardo Ribeiro Garcia - Benedito Bento de Góes e Paulo Viana Camargo. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

1965. Time dos Ferreiros e Pedreiros, que disputava o Campeonato Rural de Fartura. Montada pelo popular Durock, a equipe jogou com Roquinho – Zanzão - Ademir Pereira - João do Braço - Tui Amaral - Laércio Cerri - Cidão Cerâmica - Toninho do Barreiro - Gentil Bernardes e Trovão. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

1965. Time de Veteranos do Taguai, campeão. Em pé: José Ribeiro - Tato Gobbo - Onofre Machado - Clóvis Gobbo – Olídio - Arlindo Bérgamo - José Bérgamo - João Capacete e Fernando Gobbo. Agachados: Nico Manesco - Tio Chico - Gentil Romano - Theco e César Gobbo. O garotinho é Marquinho Manesco, que quando jovem também se revelou um craque, principalmente no futebol de salão. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

1953. Caieiras F.C.. Comandada pelo técnico Odilon Corrêa, o time base jogava com João Mesquita - Adauto Caetano - Dico Branco - Toninho Moreira - Zé Armindo - Basílio Palma - Antônio Valério – Gui – Poca – Gerônimo - Moreira e Otavinho Furquim. Os meninos que aparecem como mascotes são Pedrinho, Ota e Girma. De chapéu, ao fundo, estão Nenê Palma, Getúlio da Cunha e Justino Pereira. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

1953. São Paulo F.C.. Em pé: Nico Manesco – Flávio Bertoni - Zico Magro – Chico Preto - Betão Alves - Cláudio Bertoni – Domingos Blanco Vega - Antoninho Estatística e Walter Garbelotti. Agachados: Odorico Tucunduva – Pedro Dealis - Rui Ribeiro e Ivam França. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")


1949. Pinheirinho Futebol Clube.  (Foto:  Blog da revista "Museu Fartura)

Fartura Esporte Clube, time de 1946 a 1950.  (Foto:  Blog da revista "Museu Fartura)

Esta foto é uma verdadeira relíquia. Ela retrata o time de futebol do bairro Barra Seca, na zona rural de Fartura, pronto para a disputa de mais um grande prélio futebolístico em 1929 ou 1930.

Comandada pelo técnico Juvenal Garcia, a equipe jogava com Júlio Teixeira - Arvelino Carroceiro - Inacinho Palma - Juca “Carro” Nogueira - Arlindinho Preto - Vicente Palma - Dito Amaro Preto - Zé Simão - João Palma - Dito Palma (goleiro) e Hélio Ribeiro Palma.

A identificação foi feita por José João de Castro. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

1927. Time Juvenil do Fartura. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

A preciosidade acima tem nada menos que 91 anos de existência. É o time do Esporte Clube Cruzeiro do Sul, de Taguaí (SP), então conhecida pelo nome de Ribeirópolis.

Foi esse o esquadrão que no dia 7 de fevereiro de 1926 ganhou por 2 X 1 o jogo de inauguração do "Estádio Belgrave Teixeira de Carvalho", em Fartura (SP).

Em pé: José Inácio Ribeiro (Juca) - Domingos Beraldo - Joaquim da Serra - Nando Gobbo - José Gabriel - Francisco Almeida e Generoso Romano. Ajoelhados: Tato Gobbo - Mário Beraldo - João de Campos - Natal Montagner e José Romano. (Fonte: Foto publicada no blog "Baú da Fartura")

SEM IDENTIFICAÇÃO


XI de Agosto Futebol Clube. (Foto:  Blog da revista "Museu Fartura)

Fartura Futebol Clube. (Foto:  Blog da revista "Museu Fartura)

Vila de Fátima Futebol Clube. (Foto:  Blog da revista "Museu Fartura)

sexta-feira, 14 de abril de 2017

O Gauchão de 1946

O Campeonato Gaúcho de Futebol de 1946, foi a 26ª edição da competição. A disputa era realizada entre os campeões das regiões. Participaram dos jogos finais:

Floriano, de Novo Hamburgo, campeão da Região Nordeste. Grêmio Portoalegrense, campeão da Região Metropolitana. Guarany, de Bagé, campeão da Região Centro Sul e Rio-Grandense, de Rio Grande, campeão da Região Litoral.

Os resultados dios jogos foram estes:

Fase Preliminar:

13-10-1946 - Guarani 2 X 3 Rio-Gramndense

15-10-1946 - Rio-Grandense 3 x 1 Guarany

Semifinal

19-10-1946 - Rio-Grandense 1 X 1 Grêmio Santanense

Na prorrogação: Rio-Grandense 1 X 0

Finais

23-03-1947 - Rio-Grandense 2 X 3 Grêmio Portoalegrense

30-03-1947 - Grêmio Portoalegrense 6 X 1 Rio-Grandense

Grêmio: Júlio - Clarel e Joni. Niedersberg- Touginha e Sanguinetti. Cordeiro - Beresi- Santana - Segura e Hélio. Treinador: Otto Pedro Bumbell.

Rio-Grandense: Darci - Canelão e Rui. Vicente - Junção e Quida. Patinho - Heitor - Severo - Cleto e Boneco.

O Grêmio foi campeão estadual daquele ano.

As fotos abaixo, do jogo Grêmio Santanense X Rio Rio-Grandense, são do acervo fotográfico do Grêmio Foot Ball Santanense.



Pavilhão social do Grêmio Foot Ball Santanense.


Time do Grêmio Fott Ball Santanense.


Lances do jogo Grêmio Foot Ball Santanense X Foot Ball Club Rio-Grandense.

sexta-feira, 24 de março de 2017

Verdadeiras Relíquias do Futebol Gaúcho (II)

Esporte Clube Pelotas, 1961. Em pé: Dedé - Candinho - Cléo - Jari - Darci e João Carlos. Agachados: Anito - Ênio Souza - Serafim - Valter e Bedeuzinho.(Foto: Arquivo de Imbués Puélche)

Sport Club Rio Grande, 1975. Beto - Flávio Corrêa - Marco Antônio - João Carlos - Paulo Ventura e Paulo Barroco. Agachados: Toquinho - Cid - Bento - Clóvis e Pedroso. (Foto: Arquivo de Imbués Puélche)

Associação Caxias de Futebol (1972 a 1975). Em pé: Bagatini - Severo - Paulinho - Zangão - Antônio Carlos e Laurício. Agachados: Sidney - Borjão - Jaci - Marcos e Tecchio. (Foto: Arquivo de Imbués Puélche)



A esquerda, um avanço de Marino. A direita, defende Mourão.

(Fotos: Arquivo de Imbués Puélche)

Time da Enxuta, de Caxias do Sul, na decisão do Campeonato do SESI, em 1988, no Estádio Alfredo Jaconi. O goleiro é Bagatini. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

Estréia da S.E.R. Caxias no Campeonato Brasileiro de 1976. Vitória de 2 X 1 sobre o Internacional. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

Time do G.E. Flamengo, de Caxias do Sul, sem identicação. Bagatini é o goleiro. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)


Bagatini e Caçapava. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

Bagatini, quando fez testes no Fluminense, do Rio de Janeiro, apertando a mão do goleiro Félix. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

Flamengo, de Caxias do Sul, sem o ano. Em pé: Deca - Osmar - Roberto - Paulinho - Sergião e Zé Roberto. Agachados: Jarinha - Ênio Chaves - Darlan - Zangão e Marchioro.  (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

(Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)


Flamengo, de Caxias do Sul, em 1969. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

Amistoso do Flamengo, de Caxias do Sul, em 1969, em Concórdia (SC), com Bagatini no gol. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

Jogo de Showbol, em Caxias do Sul, no Ginásio Pedro Carneiro Pereira, em 2 de outubro de 1976, entre Seleções Gaúcha X Brasileira. Estiveram presentes os jogadores Garrincha, Tesourinha, Jairzinho e Djalma Dias, entre outros. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

Seleção Gaúcha de Showbol, com Bagatini no gol, em 1979, contra a Seleção Brasileira. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)

Juvenis do Internacional, anos 60, com Bagatini no gol. (Foto: Arquivo de Bagatini goleiro)